sábado, dezembro 09, 2006

Chove dentro da minha fantasia

6 comentários:

guevara disse...

a tua fantasia é bastante colorida! mas está molhada é? triste como o tempo?
é deixa-la secar, depressa passa.

guevara disse...

sim, gostei de ler Italo Calvino. Se é que falas das Cidades Invisiveis... Ainda me lembro de algumas cidades, e de desenhar o imaginado.
MAs.. nao me recordo de nada com chover na fantasia. Talvez esteja a precisar de ferias!

;)

cbs disse...

A chuva na fantasia é da Divina Comédia de Dante citado pelo Calvino numa das conferencias das "6 propostas para o próximo milénio" que por acaso acho muito interessante para a arquitectura.

cbs disse...

olha Che...iá pra ver o Children of men e acabei no James Bond, calcula tu ;)
como o pé me escorrega prá chinelo ehehehe

guevara disse...

É verdade, tb li o livro "6 propostas para o próximo milénio". Vê la tu que ate saiu como matéria no exame de Estruturas Urbanas (vulgo Urbanismo). Mas como algumas partes foram lidas na diagonal... escapou-se-me!

;) Deixa lá os filhos dos homens e das mulheres... os pais que cuidem deles. Ehehe!

Anónimo disse...

"o pé foge-te para o chinelo"... há muito tempo!
Por isso tens desde 1980 a colecção TODA do James Bond...que giro!
Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades, agora és intelectual?
Ainda bem, andas há 37 anos para tirar um curso superior...até que enfim...e não está acabado, mesmo com a "borla" de Bolonha! eheheh...